portfólio

10 de junho de 2017

Ausência em dose dupla

O mais irônico é estar aqui, olhando pro telefone e lembrando de tudo o que tenho escutado de ti. O quanto tenho te deixado de lado pra ficar olhando pra esse mesmo telefone que, veja só, é o único a me fazer companhia em um dia como hoje.

Eu não sei se choro ou se sorrio. Não sei se lamento ou se agradeço. Sinto que deveria fazer os dois. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário